"Você é capaz de alcançar a total aptidão que lhe foi dada pelo Criador para cumprir o propósito Dele para a sua vida. Consequentemente, a chave para maximizar seu pleno potencial é descobrir o propósito ou a razão de sua vida e se comprometer com o seu cumprimento a todo custo."

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

"Nem muitas águas conseguem apagar o amor"




Coloque-me como um selo sobre o seu coração;
como um selo sobre o seu braço;
pois o amor é tão forte quanto a morte,
e a paixão é tão inflexível quanto a sepultura.
Suas brasas são fogo ardente, 
são labaredas do Senhor.
Nem muitas águas conseguem apagar o amor;
os rios não conseguem levá-lo na correnteza.
Se alguém oferecesse todas as riquezas da sua casa para adquirir o amor, 
seria totalmente desprezado.

CANTARES DE SALOMÃO 8.6,7


2 comentários:

Nal Pontes disse...

Lindo texto, de um amor verdadeiro.Bjsssss

***Lucy*** disse...

Olá Ailda, saudades de ti...
Já seguindo seu maravilhoso blog.

Belo texto, somente um coração temente a Deus poderia exalar O AMOR DE DEUS POR NÓS!

Deus ama cada um como filho único,é o amor de Deus que da sentido em continuar seguindo o caminho, mesmo que a tempestade caia sem cessar
e que a dor seja maior que as forças que temos para sofrer mesmo que a escuridão nos envolva e tente os ventos da injustiça apagar a pequena chama da fé mas no obscuro túnel da vida a luz do amor de Deus brilha sem cessar o amor de Deus transforma a tragédia em triunfo, a maldição em benção o mal em bem.

O amor de Deus é o único e verdadeiro Caminho, somente o amor de Deus produz frutos aonde nunca se plantou!

O amor de Deus é paciente,
tudo espera,
tudo suporta,
e jamais se acabará, porque é eterno!!!

A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog deixo aqui o convite, acesse o link abaixo:

Fruto do Espírito

Minha Fan Page Fruto do Espírito

P.S. Convido a conhecer o blog do irmão J.C.de Araújo Jorge.
Mensagens atuais, algumas polêmicas, porém abençoadoras...
Acesse e confira:
Discípulo de Cristo

Em Cristo,
***Lucy***

Postar um comentário